Muralha realiza capacitação de agentes de segurança privada

Por Henrique Peixoto em 10/10/2021 às 09:47:47

No último final de semana, 2 e 3 de outubro aconteceu o curso de Capacitação da Empresa de Segurança Privada Muralha Segurança em Eventos.

A capacitação direcionada para os novos integrantes, bem como para os agentes que já fazem parte da empresa, visando preparar os mesmos com os conhecimentos básicos na área da segurança privada e seus conceitos.

O curso contou com instruções voltadas para as áreas de primeiros socorros, defesa pessoal, manuseio de tonfa, abordagem, condução, imobilização e comportamento do agente em situação de crise.

O curso aconteceu nas instalações do Tiro de Guerra 06-025, de Itamaraju, seguindo todos os protocolos sanitários na garantia da manutenção da vida, contando com participação de vários instrutores que ministraram a capacitação para os agentes.

Realizando abertura do curso i o coordenador da empresa, Jefferson Medeiros, que abordou os temas: Seguranças em Eventos, Conceitos e Características de um profissional de Segurança, enfatizando a qualidade e satisfação dos clientes.

No segundo período o 1º Sgt EB. Jermesson Odely, Chefe de Instrução do Tiro de Guerra de Itamaraju, ministrou as matérias "segurança privada", "segurança pública", "hierarquia e disciplina". Dando continuidade o Bombeiro civil e socorrista do Samu, Alex Teodoro, ministrou sobre o APH (Atendimento Pré Hospitalar), e classificação, identificação do uso correto de extintores de incêndio.

Finalizando a grade de instruções o CB PM Raniere Oliveira, ministrou as instruções de defesa pessoal, manuseio de tonfa e imobilização, novamente o 1º Sgt Jermesson voltou a se encontrar com a turma ministrando os temas: Comportamento do agente em situação de crise.

Os agentes tiveram a oportunidade de conhecer o circuito de pista de corda e de progressão em que os Atiradores realizam suas atividades no dia a dia no TG. Encerrando o dia todos passsaram pelo momento mais esperado: o contato com gás lacrimogênio e tiveram a sensação de choque e realidade do dia a dia das Forças de Segurança Pública.

Carro de Playboy