Politica

Realizado em Itamaraju encontro sobre Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência

Por Cassio Marchesini em 19/09/2019 às 16:10:56

A prefeitura municipal de Itamaraju através da Secretaria de Desenvolvimento Social com participação da Secretaria de Educação, promoveu na manhã desta quinta-feira (19), um evento com o objetivo de promover maior compreensão dos assuntos ligados à deficiência e para mobilizar a defesa da dignidade, dos direitos e o bem-estar das pessoas.

"No Brasil já existe uma vasta legislação sobre o tema e para que ela não fique apenas na teoria, os conselhos municipais e estaduais são fundamentais nesse processo, fiscalizando e exigindo o cumprimento na prática de todas as políticas em favor das pessoas com deficiência", afirmou Léo Oss que representou o prefeito Marcelo Angênica durante o encontro.


Por motivo de força maior a Secretaria de Desenvolvimento Social Fabiana Angênica não pode estar presente e foi representada por Lucimária Monteiro.


Um momento muito foi emocionante foi a apresentação de lutas de capoeiras com os usuários da APAE.


Aconteceu nos últimos anos, um grande aumento no movimento de inclusão das pessoas com deficiência repercutindo em avanços sociais para todos.

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência tem a finalidade de definir a política municipal de interesse das pessoas com deficiência e promover atividades que contribuam para a efetiva integração cultural, econômica, social e política dessa parcela da população.


Participaram da composição de mesa, um representante da Pessoa com deficiência Alessandro Cabral, a vice presidente do CMAS Caiter Suely, a fisioterapeuta do centro de reabilitação física Roberta Cajaiba e da secretaria de Desenvolvimento Social e o representante da Apae José Nunes.


Foi realizada uma palestra pelo Professor Euripedes da Educação e de Geisa Dias, sobre a temática de inclusão, diretos e desafios.


Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência (21 de Setembro) é comemorado e lembrado em todos os estados brasileiros. Essa data foi instituída em 14 de julho de 2015, pela Lei nº 11.133.

A data foi escolhida porque é próxima ao início da Primavera (23 de setembro) e coincide com o Dia da Árvore, datas que representam o renascer das plantas, que simbolizam o sentimento de renovação das reivindicações em prol da cidadania, inclusão e participação plena na sociedade. Foi Cândido Pinto de Melo, um ativista do movimento das pessoas com deficiência, que propôs, a criação desta data tão importante, ainda no início da década de 80.

game 02