Itamarajuenses morrem em acidente na Rodovia BA 290 em Alcobaça

Por Henrique Peixoto em 10/10/2021 às 11:36:23

A população de Itamaraju, e região do Extremo Sul da Bahia, amanheceu enlutada diante da triste notícia do falecimento Cláudia Sena e Analice Sena, vítimas de um acidente de trânsito na noite de sábado 09 de outubro de 2021.

Claudia Souza Sena, era militante do Movimento Sem Terra, Sempre se caracterizou por ser uma mulher de fibra, militante de todas as horas, forjada na luta e nos enfretamentos contra o latifúndio, sempre esteve disposta e colaborando diariamente na construção da Reforma Agrária Popular. (Informações Voz do Movimento).

O acidente aconteceu por volta das 23hs, da noite de sábado (09), próximo ao Assentamento José Martins, na Rodovia BA 290, envolvendo uma motocicleta e um veículo de uma empresa de assistência funerária.

Não há informações sobre o que poderia ter provocado o acidente. Após a colisão os ocupantes da moto foram arremessados ao solo sofrendo graves ferimentos, ainda segundo informações as vítimas morreram no local, uma terceira pessoa do sexo masculino que pilotava a moto foi socorrida sendo encaminhada para o Hospital de Teixeira de Freitas, em estado grave.

Autoridades policiais foram notificadas sobre o acidente, o corpo foi removido após a chegada da Polícia Técnica de Teixeira de Freitas, sendo encaminhados para o Instituto Médico Legal de Itamaraju, onde passarão por exames de necropsia, em seguida liberado para a realização de velório e sepultamento.

As causas do acidente serão investigadas pelas autoridades de transito, as vitimas naturais de Itamaraju, estavam morando no assentamento.

O Deputado Valmir Assunção, assim como diversos movimentos sociais emitiram nota lamentando o ocorrido. Claudia Souza Sena tinha (38 anos) e sua filha Analice Sena (9 anos), deixam imensa saudade a familiares, amigos e companheiros de luta.

Claudinha, como era conhecida por todos da regional era mãe de dois filhos, fez parte da Direção do MST na Bahia, contribuindo nas regiões do extremo Sul e na Chapada Diamantina.

Exemplo de resistência e alegria que contagiava a todos, a partida precoce das vitimas deixa todos entristecidos diante da fatalidade que abreviou a vida das companheiras, nas redes sociais amigos e familiares prestam homenagens e solidarizam a família enlutada.

Cláudia e Analice Presente! Presente! Presente!

Carro de Playboy