mASCARA

Tiro de Guerra: Atiradores concluem curso de formação de cabos do ano 2021

Por Tiro de Guerra 06 - 025 o Guardião do Monte Pescoço em 06/06/2021 às 22:33:03

Na última sexta-feira 04 de junho de 2021, o Tiro de Guerra 06 – 025 de Itamaraju, concluiu o Curso de Formação de Cabos do Exército Brasileiro do ano de 2021, desenvolvendo atividades mais próxima da realidade.

Na ocasião, foi criada uma situação de guerra, conhecida como teatro de operações, onde os alunos colocaram em prática todos os ensinamentos que obtiveram durante o curso.

Sob grande nível de stress e com o peso dos equipamentos e clima chuvoso, os atiradores tiveram que se orientar com mapas, em seguida, planejar, preparar e executar uma patrulha de resgate. No contexto, para proporcionar um maior tom de realidade, ainda havia a participação de tropa inimiga no terreno.

As missões eram sucessivas, pois uma desencadeava em outra, mas o que ninguém esperava era que, após o recebimento de mais uma missão, antes de partirem para o seu cumprimento, foram surpreendidos com a presença de seus familiares que, mesmo sujos, molhados e camuflados, se abraçaram felizmente a camuflagem não sai com lágrimas, pois a emoção foi grande.

Com duração de oito semanas, o Curso de Formação de Cabos - CFC, que iniciou com cinco e terminou com quatro formados, visa habilitar os atiradores a exercerem a função de comandantes de pequenas frações, bem como auxiliar o instrutor do TG no desempenho de funções, como comandante da guarda, monitor de ordem unida, de Treinamento Físico Militar (TFM) e outras funções correspondentes.

O 1º Sgt Jermesson, Comandante do Tiro de Guerra, avaliou o resultado do exercício como excepcional. "Para o militar não basta fazer, necessita-se que seja bem feito", ressaltou o comandante, disse ainda que: o curso de Cabo, além do conhecimento de técnicas operacionais mais avançadas, também ensina a base da liderança, e no Exército Brasileiro preza-se pela liderança através do exemplo.

Destaca-se que todo o trabalho no TG tem sido desenvolvido atendendo o protocolo de medidas sanitárias estabelecido pelo comando do Exército Brasileiro, Secretaria de Saúde de Itamaraju, e organização mundial – OMS.

É notável que as ações do Exército Brasileiro, representado pelo Tiro de Guerra em Itamaraju, ratifica o seu lema "Braço Forte e Mão Amiga", contribuindo na formação de recursos humanos com senso de patriotismo, civismo e fé na missão.

ASCOM - Tiro de Guerra 06 – 025

O Guardião do Monte Pescoço

Republicanos