07/06/2018
Operação São João contará com uso de drones para monitoramento nas estradas


Este ano, durante a Operação São João, as blitzes de alcoolemia serão monitoradas por drone. A miniaeronave não tripulada é equipada com uma câmera de vídeo e vai ser usada no controle do fluxo do tráfego nas vias, em situações de emergência de saúde, na identificação de veículos roubados ou clonados e no socorro a vítimas de acidentes em locais de difícil acesso.

A medida foi anunciada nesta quarta-feira, 6, na sede do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA), durante a reunião de planejamento estratégico das instituições para a fiscalização nos dias de festa.

“Estaremos fazendo o uso do drone para auxiliar as nossas ações. Com o equipamento podemos ter um maior campo de visão e ver em tempo real o impacto das ações”, explica o coordenador de operações de trânsito da Polícia Militar (PM), Márcio Santos.

O equipamento também vai contribuir para o flagrante de infrações que fogem do alcance visual das abordagens, como o uso do celular e a tentativa de fuga da blitz. O drone foi cedido pelo Grupamento Aéreo (Graer) da PM.

As ações vão acontecer nas saídas da capital baiana e em rodovias que dão acesso aos principais destinos juninos no interior. Além do Detran, participam da Operação São João o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) da PM, a Polícia Rodoviária Federal (PRF), secretarias estaduais de Saúde, Infraestrutura e órgãos municipais de transporte.

“O trabalho conjunto dos órgãos é a melhor estratégia para garantir a segurança viária no São João”, completa Márcio. Ações educativas para a redução de acidentes, em parceria com a Bahiatursa, também estão previstas.

Balanço

Em 2017, entre os dias 21 e 24 de junho, 13.409 pessoas e 10.264 veículos foram abordados e 2.675 notificações foram emitidas. Excesso de velocidade, dirigir usando o celular, licenciamento vencido e não usar cinto de segurança e capacete aparecem como as infrações mais cometidas pelos condutores abordados.

As blitzes aconteceram em Salvador e 19 municípios do interior do estado. Dos 1.937 condutores que fizeram o teste do bafômetro, 43 apresentaram estado de embriaguez e 36 se recusaram a soprar o aparelho.

Dois veículos roubados foram identificados por meio do Optical Character Reconigtion (OCR), o equipamento que faz a leitura da placa do veículo.

Em 2016, durante a operação, foram abordados 14.923 veículos e 24.674 pessoas, resultando em 3.901 autuações.

por Atarde

Anuncie Aqui Empresa Contato Equipe