11/11/2017
Covardia: Após prisão de criminoso, homem é executado dentro de casa em Itanhém
Itanhém: Na noite da última sexta-feira, 10 de novembro, após a prisão do criminoso Dione Oliveira de Matos, por homens do PETO, 02 criminosos armados invadiram uma residência localizada na Rua Edvaldo Nogueira, no Bairro Monte Santo em Itanhém, e executaram Adilson Cruz de Souza, 40 anos de idade. O crime, segundo a Polícia, o crime aconteceu porque os comparsas de Dion acreditam que Adilson tenha sido o responsável pela denúncia que levou os homens do PETO à prende-lo.


A Polícia Militar esteve no local, confirmou o homicídio, e preservou o local até a chegada da Polícia Civil. O delegado Gilvan de Meireles, juntamente com o investigador Danilo, se deslocou até o local, onde realizou o levantamento cadavérico. O delegado encontrou o corpo em decúbito lateral e solicitou perícia. Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica, liderada pelos peritos Danilo Bastos e Pablo Bomjardim, esteve no local realizando os trabalhos periciais. Segundo informações passadas ao delegado, a vítima foi atingida por 05 disparos de arma de fogo, possivelmente um revólver calibre 38.

Os tiros foram 01 no ombro direito, 01 no ombro esquerdo, 01 no ouvido esquerdo, 01 no abdômen e 01 na coxa, sendo que o último causou a fratura do fêmur. Finalizando os trabalhos periciais, o delegado autorizou remoção e o corpo da vítima foi encaminhado para o IML de Teixeira de Freitas, onde será submetido a necropsia neste sábado. O delegado instaurou um inquérito policial para investigar autoria e motivação do crime. Segundo o delegado Gilvan, possivelmente o crime está ligado à prisão de Dione. O delegado ouviu Dione, que disse não saber o real motivo do crime, pois, quando ocorreu o homicídio ele já estava preso e sendo apresentado em Teixeira.

O delegado irá encaminhar a continuidade das investigações para a Delegacia de Itanhém, que deverá realizar diligências investigativas. Nossa equipe teve acesso aos vulgos de dois suspeitos, que não serão divulgados para não atrapalhar as investigações.
 
Por: Liberdadenews
Anuncie Aqui Empresa Contato Equipe